Portugal

José Carlos Santiago

Curador e Facilitador

www.jcsantiago.info
www.jcsantiago.net
www.jcsantiago.com

Abordagens para a sua Saúde e Bem Estar

Fobias e Stress Pós Traumático

Fobias:

As fobias e o stress pós traumático por vezes aparecem juntos e impedem a pessoa de ser ela mesma ou de ser uma pessoa normal.

Nem sempre andam juntos mas quando andam, os problemas de que a pessoa sofre agravam-se.

As fobias são medos irracionais que impedem a pessoa de ser ou de se comportar de uma maneira lógica e racional podendo também causar reacções físicas.

As fobias tem a sua origem em medos que residem no nosso inconsciente e que em determinadas alturas entram em funcionamento bloqueando-nos por completo ou levando a reacções que saem fora de controle.

Normalmente não há uma causa visível para as fobias nem uma explicação para tais medos. Ou seja na vida da pessoa não aconteceu nada que ela se lembre que possa estar na origem da situação.

Outras vezes ela pode se lembrar de algo como sendo a causa da sua fobia mas mesmo assim ela não a consegue ultrapassar o que leva a supor que existe algo mais de que a pessoa não se lembra ou de que não basta apenas lembrar o acontecimento.

Aparentemente podem não existir razões para tais comportamentos e atitudes, mas se eles existem é porque existe uma razão para tal, ou seja há uma causa.

Enquanto essa causa não for descoberta e “eliminada” a situação (fobia) vai permanecer.

Muitas das fobias advêm da infância ou de acontecimentos traumáticos pelos quais a pessoa passou; passando a pessoa a ter sempre um medo inconsciente de voltar a passar pelo mesmo.

No entanto existem fobias que poderão advir da vida intra uterina ou eventualmente de uma vida passada ou de outras situações.

Pânico:

Por vezes podem existir pânicos que levam a pessoa a ser incapaz de se controlar ou incapaz de fazer a sua vida.

Os pânicos podem ter outras causas e outras origens que não as que já falei pelo que há que determinar quais elas são e corrigi-las.

Hoje com a informação que existe, muito trabalho pode ser feito para eliminar as causas do pânico e levar a pessoa a ter uma vida normal.

Stress Pós Traumático:

É bem conhecido a situação do stress pós traumático quer no caso dos veteranos de guerra quer no caso de violações ou de outros acontecimentos marcantes.

A pessoa que tenha passado por uma situação destas, muitas das vezes não se lembra o acontecimento ou quando se lembra não se consegue livrar dele continuando lá a criar-lhe problemas e sofrimento.

O facto da pessoa não conseguir lidar com o acontecimento que a marcou, cria nela um stress demasiado grande o que a leva a comportamentos e atitudes inadequados e que muitas das vezes a incapacitam para fazer ou ter uma vida normal.

Com frequência estas pessoas tornam-se incapazes de terem uma vida normal e incapazes de funcionarem em sociedade.

Com os conhecimentos que hoje existem, não existe razão para que estas pessoas continuem a sofrer de stress pós traumático e a serem um peso para a família e para a sociedade.

Muito pode ser feito por estas pessoas para que elas voltem a ter uma vida normal.

Resumo:

As fobias, os medos ou comportamentos ilógicos e irracionais normalmente têm origem em acontecimentos traumáticos quer físicos quer psicológicos.

Estes acontecimentos normalmente estão tão enraizados no inconsciente que não se consegue vislumbrar qual a sua causa.

E enquanto eles não forem eliminados, pouco ou nenhum avanço se consegue fazer.

Felizmente que hoje é possível descobrir e eliminar as causas destes e de outros problemas conseguindo-se resultados onde antes nunca se julgava possível.

As causas podem ter acontecido ao longo da vida da pessoa ou podem estar mais para trás como seja aquando se era bebé ou ainda mais para trás como seja o traumatismo do nascimento (ver Recém-Nascidos; Bebés e Crianças ) ou mesmo situações traumáticas ou stressantes sofridas pela mulher aquando da sua gravidez e que se transmitiram ao feto.

Cada vez mais existem evidências de que a vida uterina é determinante na saúde e no bem estar do futuro ser e como tal seria desejável prestar mais atenção e apoio a todas as grávidas para que se evitassem problemas nos nossos filhos ou seja a geração de amanhã.

Existem muitas explicações, tantas quantas as pessoas que existem e no entanto todas estão certas, o que é preciso são resultados e são esses que se devem procurar.

A psicologia e o apoio psicológico tentam dar respostas mas quanto a resultados esses por vezes deixam muito a desejar apesar de todos os esforços feitos. A comprová-lo estão as inúmeras pessoas que passaram anos ou passam anos em tratamento sem se livrarem definitivamente dos seu problemas apesar dos benefícios que obtêm.

Todos temos memória dos acontecimentos em 11 de Setembro em Nova Iorque. De imediato apareceram voluntários de todas as áreas para ajudar e de entre os voluntários surgiram massagistas, terapeutas sacro cranianos, psicólogos, etc.. etc.. e o que se verificou é que as pessoas estavam demasiado emocionadas com os acontecimentos e facilmente entravam em libertação emocional.

Os relatos que têm surgidos de todos os cantos da América relatam que inúmeras pessoas (mesmo sem terem qualquer ligação com o acontecimento) entram em libertações emocionais durante as sessões de relaxamento sejam elas de massagem sejam elas de Terapia Sacro Craniana, de Libertação Miofascial ou de outras técnicas ou terapias.

O choque emocional causado pelo acontecimento criou nelas problemas que se libertam depois nas sessões de tratamento que fazem. Igualmente disparou o numero de pessoas a procurarem aconselhamento e apoio psicológico por todos os EUA o que mostra que o trágico acontecimento desencadeou reacções negativas em pessoas que antes eram saudáveis.

A Terapia Sacro Craniana (ou Crânio Sacral); a Libertação Miofascial e a Libertação Somato Emocional são algumas das terapias que ajudam a libertar o corpo e a mente de acontecimentos traumáticos sejam eles físicos ou emocionais.

É desta forma que muitos veteranos de guerra nos EUA melhoraram após o uso da Libertação Miofascial, da Terapia Sacro Craniana, da Libertação Somato Emocional e de outras terapias depois de terem passado inúmeros anos com problemas e em tratamentos convencionais.

Quando se trabalha com estas técnicas nada é impossível. No entanto, milagres não se fazem, mas até ao momento são algumas das terapias que costumam dar um grande alívio a quem faz uso delas.

Eu no entanto aplico várias soluções e as soluções que considero mais indicadas consoante o caso que me aparece e consoante as causas que estão por detrás do problema da pessoa.